Segurança na alimentação: cuidados com armazenamento de alimentos

Todos conhecemos os princípios básicos de uma alimentação saudável. Porém, outra preocupação importante que devemos ter é como garantir uma alimentação segura para nós e para nossa família.

Nesse sentido, o correto armazenamento e manipulação de alimentos se torna fundamental para proteger a saúde de todos, especialmente de crianças e idosos, sempre mais sensíveis a contaminações. E também ajuda a economizar, uma vez que contribui para com a redução de desperdícios. Veja algumas dicas.

Primeiro que entra, primeiro que sai

Seja na dispensa ou na geladeira, a primeira coisa a ser levada em conta é a disposição dos produtos ao armazená-los. Aqueles que têm validade menor devem ficar à frente, com boa visibilidade, para que sejam consumidos primeiro. Isso evita também o desperdício. Afinal, quem nunca encontrou algum alimento vencido ou estragado esquecido no fundo do armário ou da geladeira? A regra é simples: o primeiro alimento a entrar é sempre o primeiro a sair.

Carnes

Image of packaged meat with woman hand in the supermarket

Carnes que não serão utilizadas no preparo imediato de algum prato devem ser separadas em pequenas porções para serem congeladas. Assim, quando for utilizá-las, pode-se descongelar apenas a quantidade necessária. Isso porque, uma vez descongelado, um alimento não deve ser novamente congelado.

Depois de cozidas, carnes podem ser congeladas, mas no máximo por três dias. Para isso, devem ser colocadas em potes de vidro tampados.

Ovos

Eggs in wire basket on rustic table horizontal. Toned

Ovos não devem ser colocados na porta da geladeira. A região da porta tem uma variação maior de temperatura devido às aberturas. Além disso, a vibração ao abrir e fechar a geladeira pode criar pequenas fissuras na casca do ovo, gerando contaminação.

Feijão

Baked beans in tomato sauce, in a brown pot.

Depois de cozido, deve ser armazenado na geladeira por no máximo três dias. Se for congelar, separe em porções, também em potes de vidro.

Verduras

Vegetables and fruits.

Verduras devem ser guardadas na gaveta inferior da geladeira, onde a temperatura é mais adequada, já que esses alimentos se deterioram mais rapidamente em temperaturas muito baixas. Podem ser lavadas com antecedência, mas devem ser secas antes de colocadas na gaveta.

Frutas e legumes

Bowl of healthy fresh fruit salad on wooden background. Top view.

Frutas e legumes, quando inteiros, podem ser deixados em temperatura ambiente, em local fresco e ventilado. As frutas devem ser lavadas apenas no momento do consumo, pois possuem uma espécie de película natural de proteção. Lavá-las muito antes favorece a entrada de micro-organismos no seu interior. Quando cortadas e não consumidas inteiras, devem ser armazenadas na geladeira em um pode fechado.

Sobras

Sobras de refeições devem ser postas sob refrigeração em até duas horas após o preparo. Pode manter na própria panela para a refeição seguinte, desde que esteja bem tampada. Não se deve colocar a comida ainda quente na geladeira, pois isso eleva a temperatura interna por algum tempo, prejudicando a conservação de outros alimentos.

Vidro

Winter stores, vegetables in jars

Prefira sempre potes de vidro, pois os de plástico podem liberar substâncias prejudiciais à saúde quando resfriados ou aquecidos. No preparo, sempre que possível utilize tábuas e facas separadas para o corte de diferentes tipos de alimentos. Isso evita a contaminação cruzada.

Por fim, lave as embalagens antes de abri-las. Caixinhas de molho, latinhas e potes passam por diversos ambientes antes de chegar até sua casa. Por isso, devem ser higienizados antes de abertos.

Cuidados como esses garantem a segurança dos alimentos consumidos por você e pela sua família.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe o post com seus amigos!

Agora que você já conhece as vantagens, que tal fazer o cálculo do seguro para sua residência?
Faça uma cotação »