Conheça os alimentos indicados para quem vai fazer mochilão

Alimentos indicados para quem vai fazer mochilão

Viajar como mochileiro é uma experiência que todo apaixonado pelo turismo deve ter em algum momento da vida, e se você está planejando uma viagem desse tipo, provavelmente já pensou em escolher as melhores hospedagens de baixo custo, traçar um roteiro passando pelos destinos turísticos mais interessantes e, claro, selecionar o que vai com você na mochila.

O problema é que viagens como essa tendem a consumir bastante energia, e dependendo da sua alimentação, isso pode acabar com os seus planos: imagine ficar doente no meio da aventura?

Para evitar que isso aconteça, veja a dieta que recomendamos para você em um mochilão.

O que comer no café da manhã

Se você está viajando como mochileiro, provavelmente optou por se hospedar em algum albergue ou pousada mais simples para economizar dinheiro e viajar mais. Os albergues tradicionalmente oferecem cafés da manhã simples, mas capazes de te ajudar a começar o dia, enquanto as pousadas costumam contar com uma variedade de opções.

Monte seu prato com uma boa concentração de carboidratos (como pão, bolos simples ou biscoitos), uma fruta e uma boa porção de proteína (como leite, queijo ou algum embutido). Se você está habituado a tomar café, uma xícara dessa bebida pode te ajudar a ter mais disposição pela manhã.

Com um café da manhã completo, você vai ter mais energia para começar a sua aventura!

O que lanchar nos passeios

Viajar com orçamentos curtos exige um bom planejamento para não gastar demais com lanchinhos durante o dia e, claro, não ficar com fome. Por isso, crie o hábito de levar consigo alguns snacks na mochila para poder beliscar.

Uma boa opção para lanches do meio da tarde ou da manhã são biscoitos simples, barras de cereal, frutas com casca (como laranja, maçã e outras mais resistentes) e até um pequeno sanduíche feito com queijo.

O nutriente mais importante para o mochileiro é, sem sombra de dúvidas, o carboidrato, já que ele precisa de energia para caminhar durante todo o dia. Evite o jejum e leve sempre alguma das opções citadas acima para os seus passeios.

Como escolher o melhor almoço

O almoço do mochileiro deve prezar a praticidade e a recuperação de energia, já que é uma refeição que pode interferir no seu ritmo — imagine sentir aquele sono no meio da tarde em plena caminhada pelo seu destino?

Uma boa sugestão é fugir dos restaurantes tradicionais e mais caros, que costumam oferecer refeições enormes e pesadas, e optar por comer algo saboroso nas barraquinhas de rua, food trucks, no mercado municipal da cidade ou até em lanchonetes que oferecem pratos de almoço.

Nessa refeição, mais uma vez, não se esqueça do carboidrato (batatas, macarrão, arroz, pão, milho, etc.), opte por uma porção de proteína (uma carne ou queijo) e fuja das frituras ou gorduras. Uma fruta pode cair bem de sobremesa para te ajudar a repor as vitaminas.

O que comer no jantar

Muitos mochileiros chegam ao albergue ou no hotel, exaustos de tanto caminhar e se divertir ao longo do dia. Nessas horas, a última coisa que queremos pensar é em procurar algum lugar para comer. A grande maioria dos mochileiros opta por cozinhar nos albergues, não somente para reduzir os custos, mas também para aproveitar e ir dormir mais cedo.

A sugestão de jantar para um bom mochileiro é um prato prático, porém saboroso, que traga conforto para dormir tranquilamente. O macarrão é sempre a opção mais procurada, mas você também pode optar por complementar sua refeição com alguma carne ou montar um sanduíche natural com alguns ingredientes comprados no mercado mais próximo. O que sobrar pode ser guardado na geladeira do albergue para ser usado no lanche do dia seguinte.

Se você não gosta ou não sabe cozinhar, o jantar é uma boa oportunidade para sair e apreciar alguma culinária local, já que, à noite, você terá mais tempo para aguardar o preparo da refeição e, depois, para fazer a digestão corretamente. Se economizou bem durante o dia, talvez esse seja o momento para investir em um prato mais caro e saboroso.

Não se esqueça dos líquidos

Um bom mochileiro sabe da importância de levar sempre consigo um bom volume de água para beber durante o dia: a hidratação vai te ajudar a ficar mais bem-disposto e também mais distante de infecções oportunistas que podem surgir durante a viagem.

Intercale a água com boas doses de sucos naturais e evite consumir refrigerantes ou bebidas alcoólicas durante o dia, já que eles podem acelerar seu processo de desidratação.

Entendeu agora como planejar sua alimentação durante o mochilão? Cuide da sua saúde e curta a viagem com muito mais energia!

Vai fazer um mochilão?

Previna-se de imprevistos.

Faça uma cotação de seguro viagem »