Segurança na internet: saiba como proteger seus dados pessoais

A tecnologia e os dispositivos conectados à internet já fazem parte do nosso dia a dia. Estão presentes por todos os lados. Das redes sociais ao e-mail do trabalho, do smartphone sempre à mão à smart TV na sala de casa, estamos sempre acessando conteúdos, recebendo informações, trocando mensagens ou curtindo algum entretenimento. É inegável que toda essa tecnologia trouxe muitos benefícios para nossas vidas.

No entanto, para que a utilização dessas facilidades seja sempre segura, é fundamental estar atento às questões de privacidade e segurança de dados. É por isso que no dia 28 de janeiro celebra-se o Dia Internacional de Proteção de Dados Pessoais. Uma data dedicada à conscientização sobre a importância do uso seguro de tecnologias online, com ênfase na preservação da privacidade e das informações pessoais.

Selecionamos algumas dicas que devem ser seguidas para garantir a segurança e a proteção de seus dados na internet. Ao segui-las, você estará reduzindo riscos e fazendo um uso mais seguro dos seus dispositivos conectados. Tome essas precauções e divulgue essas informações para que todos possam ter uma navegação mais segura.

Dicas de segurança

507473994

  • Mantenha os softwares de seu computador e smartphone sempre atualizados, especialmente os programas antivírus. Procure também instalar programas de firewall e criptografia que ajudam a manter seus dados seguros.
  • Fique atento ao recebimento de mensagens não solicitadas que peçam informações pessoais ou download de arquivos. Se for de alguma instituição, entre em contato por telefone para se certificar se a mensagem é autêntica. Nunca preencha formulários ou baixe arquivos sem ter certeza de sua procedência.
  • Não utilize senhas fáceis de serem reproduzidas ou relacionadas a você, como sua data de aniversário ou de pessoas próximas. Procure criar senhas aleatórias, que misturem letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais.
  • Não utilize computadores públicos para acessar informações sigilosas, como dados bancários. Essas máquinas podem estar programadas para reter informações como número da conta e senha de acesso. O mesmo vale para a utilização de redes de Wi-Fi públicas. Ao acessá-las, evite entrar em conteúdo sigiloso e digitar senhas, pois elas podem estar sendo capturadas sem você perceber.

530189796

  • Após acessar sites que exijam senha, lembre-se de sair deles fazendo o logout. Isso evita que seus dados fiquem expostos caso outra pessoa acesse o computador.
  • Se for armazenar conteúdo pessoal na nuvem, em serviços como Dropbox, Google Drive etc, prefira fazê-lo em arquivos compactados com senha. Assim, mesmo que alguém consiga acessá-los, não poderá ver seu conteúdo.
  • Nas redes sociais, fique atento ao grau de privacidade do que você posta. É sempre possível

configurar para que apenas amigos ou mesmo algumas pessoas específicas vejam o que você compartilha. Manter a configuração de privacidade totalmente aberta é sempre um risco de exposição de suas informações a pessoas que você não conhece.

Adotar essas atitudes e estar sempre atento às questões de segurança e privacidade é algo muito importante para preservar nossa intimidade e manter nossos dados longe de qualquer risco.

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos e colabore para a conscientização e maior proteção dos seus dados pessoais na internet.