Vai reformar a casa? Confira os 6 itens aos quais você deve estar atento

Reforma Consórcio - Reformar Casa

Muitas vezes, procrastinamos a decisão de reformar a casa por medo dos problemas que podem surgir durante a obra. Porém, por mais que adiemos, chega uma hora que a reforma se torna inevitável. Assim como a compra de uma casa, uma reforma também precisa ser planejada. Programar a reforma é a melhor maneira de evitar dor de cabeça e de tentar prever alguns problemas comuns que podem ocorrer.

No post de hoje, separamos os 6 itens aos quais você deve estar atento para realizar uma reforma sem maiores contratempos. Confira:

Determine a dimensão da reforma

Você irá reformar todos os cômodos da casa ou somente um? Por onde vai começar? Fará a reforma por etapas ou de uma só vez? Será preciso que a família fique fora da casa? Por quanto tempo? Responder a essas questões é o primeiro passo. É a partir daí que você saberá o tamanho do investimento financeiro que terá de fazer, quantos profissionais precisará contratar e quanto tempo será necessário para concluir a remodelação.

Analise suas condições financeiras

Com o orçamento em mãos, você poderá avaliar sua disponibilidade financeira para realizar o serviço. Mas, e se você não tiver o investimento suficiente para os seus planos de reforma?

É importante pensar na reforma como algo planejado. Nesse caso, realizar um Consórcio pode te ajudar a juntar o dinheiro para esse fim. Com o Consórcio, você paga parcelas mensais que cabem no seu bolso. O valor das parcelas varia de acordo com a sua carta de crédito e o prazo escolhido para quitá-lo. Todo mês, há um sorteio entre os participantes do grupo do Consórcio, e sua carta de crédito pode ser contemplada.

Mas, se você não quer depender só do sorteio, você também pode dar lances. No Consórcio, o lance funciona como em um leilão: quem der o lance mais alto leva a carta de crédito naquele mês. E, caso o seu lance não seja o mais alto, você continua pagando apenas a quantia mensal.

Já com o dinheiro em mãos, se o valor da reforma ultrapassar sua estimativa inicial, é aconselhável que você faça somente o que for mais urgente e adie o que não for tão necessário.

O orçamento é um plano, mas é bastante comum que, durante a reforma, surjam pequenos detalhes inesperados que custam dinheiro. Por isso, é prudente deixar algum dinheiro guardado para esses imprevistos.

Contrate os profissionais

Depois de definir a proporção da reforma e o orçamento, é hora de contratar o profissional que será responsável pelas mudanças, geralmente um mestre de obras ou um engenheiro civil. A primeira coisa que ele deve fazer é definir o orçamento, além de estimar quantas pessoas serão necessárias e quais materiais serão utilizados. Vale ressaltar que se for necessário mexer na estrutura da casa, é aconselhável que você contrate um engenheiro que possa assinar como responsável pela obra.

Tenha cuidado com móveis e eletrodomésticos

Antes de iniciar a obra, veja como fará para proteger a mobília da residência. Alguns eletrodomésticos podem ser encaixotados para evitar acidentes. Sofás e poltronas devem ser cobertos com plástico ou algum tecido impermeável para não ficarem empoeirados ou sujos.

Utensílios de vidro, porcelana e cristais também devem ser embrulhados e encaixotados de forma adequada, de forma a evitar que quebrem.

Atente-se ao estoque de materiais

Antes de comprar os materiais para a sua reforma, pense onde eles ficarão estocados. Materiais como areia e pedra podem ser desperdiçados caso não sejam armazenados em local adequado. Cimento também exige cuidado, pois não deve ficar em lugar úmido. Para garantir que seu dinheiro não seja gasto à toa, você precisará definir se há algum local que possa usar para estocar esses materiais ou se precisará comprá-los a granel.

Supervisione a obra

Tenha em mente que, por mais que você confie nos profissionais que contratou, você terá que acompanhar a obra para que tudo saia da forma que você deseja. Ao supervisionar de perto, você pode garantir que o trabalho seja feito com qualidade, e terá um controle maior do tempo de realização das etapas.

Realizar uma reforma em casa pode ser algo desafiador, mas o resultado com certeza compensará todo o esforço. É muito bom ter uma casa confortável e com o seu jeito, repleta de detalhes que você mesmo escolheu. Se você está adiando o seu sonhado projeto por receio do trabalho e dos imprevistos que podem acontecer, basta seguir as nossas dicas para garantir o sucesso de sua reforma.

Decidi: vou reformar. E agora?

Precisa de crédito para deixar sua casa do jeito que você quer? Com o Consórcio, você não paga juros nas parcelas.

Faça uma simulação »