Como manter a casa arrumada? Saiba agora!

Só quem trabalha fora sabe o quanto é gostoso chegar em casa e encontrar tudo limpo e organizado. Mesmo desejando essa condição todos os dias, o fato é que nem sempre dispomos de tempo, recursos ou até mesmo disposição para alcançá-la.

A boa notícia é que essa dificuldade tão comum pode ser superada com pequenas mudanças de hábito. Acompanhe o post e saiba como manter a casa arrumada sem sacrifícios!

Monte um cronograma

Com um bom planejamento e registro dos afazeres, tudo fica mais fácil. Você pode colocar isso em prática com um cronograma detalhado da limpeza e organização da casa. Em um papel, ou da forma que julgar mais adequada, anote todas as tarefas e procure dividi-las em grupos conforme o grau de dificuldade e também o período em que serão executadas. Por exemplo:

  • Tarefas simples: são básicas para manter a casa arrumada e devem ser feitas diariamente, como varrer o piso, arrumar a cama, lavar a louça;
  • Tarefas médias: podem ser feitas uma vez por semana, como aspirar o pó, lavar toalhas e roupa de cama, lavar o banheiro, limpar a geladeira;
  • Tarefas trabalhosas: demandam maior esforço e podem ser feitas algumas vezes no ano, como organizar gavetas, limpar atrás de móveis, lavar forros;

Não se esqueça de incluir no cronograma o nome dos responsáveis por cada tarefa, afinal, colaboração e comprometimento são cruciais para manter a casa sempre bonita e organizada.

Otimize o seu tempo

Quem arruma a casa precisa dar atenção simultânea aos serviços de faxina e organização, e ambos costumam tomar um bom tempo da rotina diária. Somado a isso, ainda precisa reservar pequenas pausas para o descanso entre uma tarefa e outra que, consequentemente, tornam o dia mais curto.

Felizmente, é possível economizar tempo e energia para se dedicar à casa sem deixar de lado obrigações importantes. Se possível, mantenha contato com serviços de Delivery para entrega de produtos de supermercado, gás, água, farmácia, lavanderia, entre outros. Além de evitar a correria e o estresse, essa opção permite que você otimize o tempo e finalize os afazeres com mais tranquilidade.

Crie o hábito de manter a casa arrumada

De que adianta fazer uma faxina mais pesada no sábado, se você não complementa os cuidados nos outros dias da semana? Entenda que, com um pouquinho de dedicação em todas as manhãs ou no fim das suas tardes, é possível manter a casa arrumada por mais tempo e evitar esforço duplo na próxima limpeza e organização.

Como forma de incentivo, é preciso quebrar alguns hábitos para mostrar ao cérebro e ao corpo que você está pronto para os afazeres diários: levante, penteie os cabelos, coloque uma roupa confortável, calce um tênis e agilize o que precisa ser feito. Em poucos minutos, você ganha uma casa mais organizada e, de quebra, mais energia e disposição para sair e enfrentar o dia.

Pratique o desapego

De tempos em tempos, é importante descartar itens e objetos muito antigos ou que se tornaram obsoletos na casa. O problema é que, por apego material ou sentimental, muita gente acaba acumulando móveis, roupas e acessórios sem qualquer necessidade. Se você quer renovar os cômodos, terá que praticar o desapego com mais frequência.

Faça um esforço para avaliar o que realmente quer e o que precisa manter dentro de casa. Para facilitar, separe caixas que irão direto para o lixo (itens velhos, estragados, papéis e rascunhos) e caixas que serão destinadas para a doação (vestimentas, calçados, cobertores e mobílias em bom estado). Além de ajudar outras pessoas, a segunda opção torna o processo menos doloroso para os apegados.

Organize um ambiente por vez

Em dias de faxina geral e pesada, cuidar de um ambiente por vez é uma boa forma de manter o foco e cumprir todos os afazeres domésticos. Como a energia é maior na primeira hora do dia, a dica é começar cedo e partir do cômodo que exige mais tempo e esforço. Veja algumas dicas para diferentes áreas da casa:

Quartos

  • Mantenha roupas e calçados nos armários e sapateira;
  • Guarde brinquedos e pequenos objetos em caixotes;
  • Evite excesso de joias e produtos de beleza sobre a cômoda;
  • Não deixe objetos sobre o criado-mudo;
  • Arrume a cama todos os dias;
  • Alinhe e desamasse os tapetes;
  • Mantenha portinhas de móveis fechadas;
  • Embale cobertores sem uso e guarde-os no armário.

Cozinha

  • Armazene pós, grãos e farelos em potinhos com identificação;
  • Adquira uma fruteira para organizar as frutas e legumes;
  • Utilize um puxa-saco para guardar sacolas plásticas;
  • Não deixe louça grande (panelas e travessas) sobre o escorredor;
  • Guarde as sobras de alimentos logo após a refeição;
  • Guarde utensílios na gaveta ou pendure na parede.

Sala

  • Não deixe controles, fones e cabos sobre a mobília;
  • Guarde aparelhos e objetos (videogame, CD, DVD) em gavetas;
  • Mantenha livros, jornais e revistas sobre prateleiras ou dentro de caixas;
  • Organize os tapetes e passadeiras.

Banheiro

  • Mantenha maquiagem e produtos no gabinete (longe da umidade);
  • Use caixotes ou cestinhas para organizar papel higiênico e toalhas;
  • Não deixe toalhas e peças de roupa sobre o box;
  • Use uma saboneteira para não sujar a pia.

Área de serviço

  • Mantenha o tanque e a máquina limpos;
  • Guarde produtos de limpeza em um balde;
  • Instale ganchos para apoiar vassoura, rodo e escovão;
  • Guarde os grampos de roupa em uma cestinha.

Limite o tempo dedicado em cada tarefa

Parece exagero, mas criar metas a partir de prazos pode ser uma tática eficiente para quem tem dificuldades em cumprir todos os afazeres domésticos. Para aplicá-la, utilize um cronômetro de celular ou acompanhe um relógio portátil com despertador enquanto arruma a casa.

Ao aguardar o toque do aparelho, você se dedica para finalizar os trabalhos antes do prazo limite e consegue controlar o uso do tempo diário. Inicialmente, crie um prazo específico para cada serviço levando em consideração o grau de dificuldade e esforço necessários.

Com o tempo, você pode alterar esses valores e adequá-los até que se encaixem no tempo disponível e na rotina da família.

Use móveis e elementos funcionais

Colocou a mobília no lugar, limpou todas as superfícies e continua achando que falta algo? Pode ser culpa das peças de roupa, objetos e acessórios que, embora pequenos, conseguem bagunçar qualquer cantinho. Para evitar que fiquem espalhados pela casa, você pode apostar nos móveis e elementos funcionais. Veja exemplos e suas utilidades:

  • Aparador: apoiar chave, carteira, bolsa e guardar louças;
  • Sapateira: guardar pantufas e calçados;
  • Organizadores: revistas, jornais, brinquedos, aparelhos e objetos;
  • Cabideiro: apoiar roupas, bolsas, gorros e chapéus;
  • Gancho: pendurar molho de chaves e guarda-chuva;
  • Prateleiras altas: para livros, porta-retrato, modem, flores e itens pessoais.

Agora, é importante garantir que todos os moradores sigam as orientações e contribuam para manter a casa arrumada. Tal prática será fundamental para a criação de uma rotina familiar mais leve e equilibrada.

Gostou das dicas? Aproveite para conferir os serviços da Porto Seguro Faz que podem ajudar a manter a casa arrumada.

Clique aqui »