Não sabe como fazer uma previdência privada? Nós ajudamos!

Você já pensou em ter e sabe como fazer uma previdência privada? Pessoas em diferentes fases da vida e de todas as idades podem ter um plano para realizar projetos ou para manter a estabilidade financeira desejada no futuro, por exemplo.

Há muitos mitos e verdades sobre a previdência privada e uma quantidade considerável de pessoas acaba associando este produto à aposentadoria, deduzindo que é indicado apenas para quem já tem idade próxima aos 50 anos ou mais. Guardar dinheiro para projetos e para planejar o futuro financeiro, no entanto, é um cuidado que todos devem ter desde cedo.

Você quer garantir um futuro tranquilo para você e sua família? Continue acompanhando o texto para entender mais sobre como funciona a previdência privada!

O que é previdência privada?

A previdência privada é um fundo de investimentos de longo prazo. Trata-se de uma forma de complementar a renda na aposentadoria.

Além disso, pode ser um modo de guardar dinheiro para determinados projetos, tais como a compra de um imóvel, uma viagem, o pagamento da faculdade dos filhos ou até mesmo para investir em um negócio.

Há dois tipos de planos:

  • os fechados, que são planos ofertados por grupos ou empresas aos seus colaboradores. A Previc é o órgão regulador desses planos;
  • os abertos, comercializados por bancos, corretoras ou seguradoras. A Susep – Superintendência de Seguros Privados é o órgão regulador desses planos

Como funciona a previdência privada?

O funcionamento da previdência privada é bastante simples: você realiza um investimento inicial e programa aportes mensais até a data que você escolheu para retirar o dinheiro no futuro ou até atingir o montante que você quer acumular.

No fim, você pode escolher entre receber parcelas mensais durante um período determinado ou por toda a vida ou ainda sacar o valor total acumulado no plano.  Vale destacar que as opções de planos de previdência privada são geralmente destinadas a pessoas que buscam uma aplicação de longo prazo.

Na prática, esse modelo conta com características que se assemelham muito às de um fundo de investimento. Isso acontece porque o dinheiro que você aplica é de fato aplicado em fundos de previdência.

Por que fazer um plano de previdência privada?

Quando você faz um plano de previdência privada, investe em um futuro mais seguro, tranquilo e confortável. Cada vez mais as pessoas têm certeza de que somente o benefício pago pela Previdência Social não vai garantir tranquilidade para viver a aposentadoria sem se preocupar com renda. Nesse sentido, é extremamente necessário pensar na previdência privada como um importante complemento financeiro lá na frente.

Confira, a seguir, os principais benefícios da previdência privada para ver o quanto vale a pena esse investimento.

Guardar dinheiro para o futuro

Esse é o grande objetivo da previdência privada: economizar e juntar dinheiro, pensando sempre no futuro. Muitos brasileiros não têm essa disciplina, então a boa notícia é que, aderindo a um plano, é possível manter essa rotina de guardar uma quantia todos os meses e desenvolver o bom hábito de poupar para um propósito maior.

Menos impostos

Com a previdência privada, dependendo do modelo que você escolher, é totalmente possível chegar a uma alíquota mínima de 10% de impostos a hora de retirar o dinheiro. Isso, no entanto, depende de alguns fatores, especialmente do tempo que você vai investir.

Personalização

Ao optar por essa previdência, você pode analisar os planos disponíveis no mercado e escolher o modelo que realmente se encaixa nos seus objetivos e está de acordo com o seu perfil.

Liberdade

Você pode resgatar todo o valor ou solicitar resgates programados de modo parcelado. Vale lembrar que é preciso ficar atento ao período de carência, isto é, ao tempo mínimo que você vai precisar para fazer o primeiro resgate e esperar entre um resgate e outro. Isso depende da instituição que faz a administração, do plano e do que está previsto em contrato.

Como fazer uma previdência privada?

Veja, a seguir, os passos para fazer uma previdência privada e se beneficiar de todas as vantagens que citamos.

Saiba quando é a hora para começar um plano

É importante entender que não existe uma idade adequada para contratar um plano, mas esse fator deve ser levado em consideração para a definição do valor que vai ser investido.

Vamos a um exemplo para que fique mais claro. A renda futura de uma pessoa que começou com 25 anos a aplicar R$ 100 na previdência privada todos os meses, vai ser maior do que a renda futura do investidor que também aplica R$ 100 todos os meses mas começou aos 40 anos. Considerando que ambos optaram por retirar o dinheiro na mesma idade, por exemplo aos 60 anos. Sendo assim, a lição mais relevante sobre como fazer uma previdência é: quanto antes você começar, melhor vai ser!

Defina o valor a ser investido

Você precisa considerar esse tipo de informação na hora de fazer o plano de previdência privada. Além do valor investido todos os meses e do valor vitalício da aposentadoria, é preciso definir o período de renda, ou seja, por quanto tempo você vai receber o benefício.

Escolha um plano de acordo com o seu perfil

Você precisa escolher um plano que realmente se encaixe no seu perfil de investidor:

– perfil conservador: se você prefere não correr risco mesmo que seu dinheiro renda menos;
– perfil moderado: se você aceita correr algum risco para ganhar um pouco a mais nos rendimentos;
– perfil arrojado, se você prefere correr riscos e tentar ganhar bastante.

Você tem que definir seus objetivos e escolher as aplicações que atendem ao seu propósito. Analise também as modalidades, as taxas e o tipo de tributação das aplicações. 

Responder a um pequeno questionário é fundamental para saber qual é o tipo de investimento que mais combina com você. A melhor forma de encontrar o plano ideal é fazendo simulações, considerando sempre alguns fatores, tais como:

  • valor;
  • tempo de investimento;
  • rendimento;
  • Imposto de Renda;
  • renda mensal atual;
  • renda pretendida;
  • inflação;
  • período pretendido de benefício.

Para ter uma noção antes de conversar com um Corretor, você pode realizar uma simulação on-line. O simulador Vida e Previdência, por exemplo, faz alguns questionamentos. Ao responder às questões, é apresentado a você o resultado com a opção mais recomendada para o seu perfil.

Escolha como você vai receber a reserva financeira

Com a previdência privada, você pode escolher diferentes modos para retirar o dinheiro que investiu ao longo do tempo. Importante observar os prazos de carência e o imposto cobrado na saída do dinheiro. Algumas opções são:

  • resgate parcial — você pode fazer resgates parciais a qualquer momento, observando sempre o prazo de carência;
  • resgate total — você tem a chance de resgatar o valor integral do seu investimento a qualquer hora, observando o prazo de carência;
  • renda mensal vitalícia — neste caso, você vai receber uma quantia mensal determinada por toda a vida;
  • Renda mensal com prazo certo: você vai receber todos os meses uma quantia até a data determinada em contrato,

Procure uma instituição de referência

Busque o quanto antes uma instituição financeira de referência no mercado para fazer a sua previdência privada. Dessa forma você consegue ter um futuro melhor, podendo usufruir com tranquilidade da aposentadoria.

Na Porto Seguro, os planos de previdência privada foram pensados para você realizar todos os seus projetos e se preparar para a aposentadoria. Seu dinheiro é aplicado em fundos diversos, de acordo com a sua expectativa de rendimento e com o seu perfil.

Se o seu maior desejo é se preparar para ter estabilidade financeira no futuro ou se pretende realizar sonhos, como a compra de um imóvel ou uma viagem, tenha certeza de que entender como fazer uma previdência privada pode ser uma boa alternativa. Gostou de saber mais sobre o assunto e quer conhecer os planos que oferecemos? Entre em contato conosco para fazer um bom investimento e garantir tranquilidade e segurança financeira no futuro!

Quer garantir o seu futuro? Entre em contato conosco e veja como podemos ajudar!

Clique aqui »