Como evitar furto e roubo do seu veículo? Veja 7 dicas de segurança

Como evitar furto e roubo do seu veículo? Veja 7 dicas de segurança

É triste, mas é a realidade: o risco de furto e roubo de veículo não é um problema exclusivo dos grandes centros urbanos. Esse tipo de ocorrência tem se tornado comum nas mais diferentes localidades do Brasil, exigindo atenção e cuidado por parte dos proprietários.

Sabemos que a culpa pelo furto ou roubo de um veículo nunca é da vítima. Afinal, é dever do Estado garantir a segurança das nossas cidades e inibir esse tipo de prática criminosa. No entanto, isso nem sempre acontece.

Então, diante dessa realidade, só resta aos proprietários de veículos adotar determinadas medidas para minimizar os riscos de furto ou roubo. Você sabe quais são elas? Preparamos este artigo com as principais a fim de ajudar a proteger o seu patrimônio. Acompanhe!

1. Tenha atenção ao estacionar

Uma dica simples, mas que pode reduzir bastante o risco de furto ou roubo do seu carro é avaliar bem o local onde pretende estacioná-lo. Principalmente nas grandes cidades, existem regiões já bastante conhecidas pela ação de criminosos. Além disso, sabemos que certos locais, pelas próprias características, facilitam a ação de pessoas mal-intencionadas.

Diante disso, a dica que podemos dar é apenas uma: evite ao máximo deixar o seu carro estacionado em regiões tidas como perigosas pelas autoridades, ou mesmo em regiões mais afastadas, onde o fluxo de pessoas é reduzido e a vigilância acaba sendo precária.

2. Confira sempre a tranca do carro

Apesar de simples, não podemos deixar de reforçar a importância de sempre conferir se as trancas do carro foram devidamente acionadas. É bem verdade que a maior parte dos veículos já contam com o trancamento elétrico das portas, acionado pela chave do automóvel.

Porém, alguns criminosos agem por meio de dispositivos eletrônicos capazes de impedir esse trancamento remoto do carro. Ou seja, você aperta o botão do alarme, acreditando que as portas foram travadas, mas em razão da interferência gerada por um dispositivo criminoso, o trancamento não foi realizado.

Então, a dica é sempre confirmar, mecanicamente, se as portas foram travadas. Afinal, não custa nada dar aquela conferida nas fechaduras, não é mesmo?

3. Evite deixar itens dentro do veículo

Não importa se o carro é o novo ou usado, chamar a atenção de criminosos para o seu veículo nunca é algo positivo. Por isso, sempre evite deixar objetos, sacolas ou qualquer outro item que possa ser confundido com algo de valor e estimular a atuação de pessoas mal-intencionadas.

Caso seja necessário deixar algum objeto dentro do carro, uma boa dica é colocá-lo no compartimento do porta-malas, pois lá não é possível ter acesso visual. Logo, é o local mais seguro a se guardar qualquer item no veículo.

4. Instale películas escurecidas nos vidros do seu carro

Seguindo a dica do tópico anterior, também vale a pena orientar sobre a instalação de uma película escurecida (insulfilm) nos vidros do seu carro. Além de aumentar a privacidade e segurança dos ocupantes do veículo, ela é um complicador para a ação de criminosos.

Quando instalada, essa película dificulta a visibilidade de fora para dentro do carro. Logo, impede o criminoso de visualizar objetos dentro do veículo, inibindo a sua ação. Vale destacar que a instalação do insulfilm precisa atender às normas de segurança. Fique atento!

5. Tome cuidado com a sua chave

Sem dúvida, o uso da chave é o modo mais simples de ter acesso ao veículo — e o criminoso sabe bem disso. Por essa razão, é muito importante ter um certo cuidado ao manusear e guardar as chaves do seu carro, pois alguém pode estar observando os seus passos desde a saída do veículo.

Talvez você tenha o hábito de colocar as chaves no bolso, com o chaveiro para fora. Esse tipo de prática facilita bastante a ação de criminosos, que podem aproveitar um momento de distração ou de grande aglomeração de pessoas — como é comum nas regiões centrais das cidades —, para furtar a sua chave.

Então, a recomendação é a de sempre guardar as chaves em locais seguros, de difícil acesso, como nos bolsos frontais ou nos bolsos internos do paletó ou jaqueta, por exemplo.

6. Utilize dispositivos de segurança

Quando o objetivo é evitar o furto e o roubo de veículo, a tecnologia é, sem dúvida, uma das maiores aliadas. Hoje, por exemplo, existem diversos dispositivos e equipamentos que aumentam a segurança do automóvel, como bloqueadores e rastreadores automotivos.

No mesmo sentido, já existem sistemas — principalmente em carros de luxo — que funcionam por meio de chaves presenciais, que travam o veículo de modo automático tão logo o motorista se afasta dele. Isso ajuda bastante, pois evita deixar o carro aberto por esquecimento.

7. Não confie as chaves do seu carro a quem você não conhece

É muito comum confiar as chaves do carro para manobristas, lavadores de carro e empresas prestadoras de serviços automotivos, por exemplo. De certa forma, não há nenhum problema nesse tipo de conduta, quando já se conhece e confia na pessoa ou empresa.

Porém, não se pode dizer o mesmo em relação a pessoas desconhecidas, assim como de empresas com as quais não se tem um relacionamento prévio. Nesse caso, é sempre bom agir preventivamente e evitar confiar as chaves do carro a qualquer um, pois indivíduos mal-intencionados podem fazer uma cópia das chaves e furtá-lo em outra oportunidade.

Por fim, embora as medidas citadas sejam capazes de minimizar os riscos do furto ou roubo do seu veículo, sabemos que essas situações podem ocorrer. Nessas horas, contar com a cobertura de um seguro auto e uma plataforma digital ágil, eficiente e intuitiva para comunicar o sinistro é uma tranquilidade a mais.

O cliente Porto Seguro tem esse diferencial à sua disposição. Em caso de furto ou roubo de veículo, você conta com uma plataforma inovadora, de simples utilização e totalmente digital para acionar o seguro e receber todo o suporte.

Gostou deste artigo? Tem interesse em continuar aprendendo sobre esse e outros temas relacionados? Então, assine a nossa newsletter e receba as novas publicações por e-mail!