O que preciso saber antes de contratar um seguro?

O seguro é um produto criado para proteger um bem contra riscos, seja ele um veículo, uma casa ou aparelhos eletrônicos. Essa proteção se dá por meio da reposição financeira desses bens, que pode ser pela reparação do dano – quando possível – ou por indenização, nos casos de sinistros de indenização integral, por exemplo.

Cada proposta de seguro representa um risco, que pode ser maior ou menor, dependendo das características da pessoa e bem que deseja a cobertura. Ou seja, o perfil do(a) segurado(a) se refere ao tamanho do risco que aquela proposta oferece e que será aceita ou não pela seguradora.

Antes de saber que tipo de cobertura seu veículo precisa, é necessário informar ao Corretor(a) qual a sua idade, gênero, hábitos, rotina, onde mora, por quais Estados o veículo anda e qual tipo de veículo será segurado. Todos esses fatores são levados em consideração pela seguradora.

Neste artigo, vamos focar no seguro para carros e também em termos comuns nesse universo – o “segurês -, mas que, nem sempre, são compreendidos com facilidade.  Vamos lá?

Coberturas em um seguro

De modo geral, seguros para veículos oferecem cobertura para colisão, roubo, furto, incêndio e alagamento. É possível também contratar coberturas adicionais, como para os vidros, além da utilização de carro reserva. 

O seguro garante ainda a cobertura para danos materiais e corporais a pessoas que se machucaram devido a um acidente provocado pelo veículo segurado, que é a chamada cobertura de terceiros. Em caso de acidente ou colisão, quem estava dentro do veículo segurado também recebe assistência, através da indenização aos passageiros. 

Na Porto, além dessas coberturas, há diversos produtos personalizados para sua necessidade, como por exemplo o  Porto Seguro Auto Premium, criado especialmente para carros a partir de R$150 mil. 

Ele oferece um seguro único para veículos de alto valor, com coberturas específicas e serviços que agregam conveniência e mais comodidade para você. No Porto Seguro Auto Premium, por exemplo, há cobertura completa para vidros, inclusive blindados; e, em caso de sinistro, é possível receber 3% do valor do que estava dentro do veículo, como carteira, relógio, celular, chegando até R$ 10.000,00 de compensação financeira. Interessante, né?

Explicando termos do mundo do seguro

Antes de fazer um seguro, é importante também entender alguns termos, para se sentir mais seguro(a) na hora da contratação. Isso facilita na hora de saber o que será contratado e evitar dores de cabeça em caso de precisar acionar o seguro no futuro. Por isso, separamos alguns termos para te ajudar nesse processo. Confira:

Apólice

Documento que discrimina o bem segurado, suas garantias e coberturas, bem como os direitos e deveres das partes contratantes, que nada mais são do que a seguradora e o segurado/cliente. Normalmente, é emitida pela seguradora depois da finalização da proposta de seguro.  Se você quiser entender mais sobre o tema, assista ao vídeo que preparamos no YouTube.

Cobertura

A cobertura nada mais é do que tudo que sua apólice ou seu seguro vai cobrir em caso de acidente, roubo ou furto, por exemplo. Danos morais, materiais, estéticos e corporais  são algumas coberturas disponíveis para clientes Porto. Saiba mais neste link.

Prêmio

Apesar de o nome lembrar algo relacionado a uma recompensa ou a um desconto, no universo do seguro, “prêmio” nada mais é do que o valor pago pelo segurado à seguradora, para que ela garanta o risco ao qual ele está exposto, ou seja, é o valor final do seguro.

Sinistro

Sinistro é qualquer acidente que envolva o automóvel segurado, de forma involuntária. Numa batida, por exemplo, o termo se encaixa tanto para perda total quanto para um simples arranhão. Mas outros eventos como roubo, furto, enchentes, incêndios, além de danos a terceiros, também são chamados assim e precisam ser comunicados à Porto. O aviso de sinistro é, portanto, o contato com a seguradora para informar a ocorrência de algum imprevisto ou acidente.

Franquia

É o valor pago à seguradora em caso de sinistro de perda parcial, como colisões; e representa a participação do segurado no custo de reparo do veículo e é um valor fixo, que consta na apólice do seguro.

Bônus

Pontuação concedida ao segurado, que depois será convertida em desconto. Quanto maior o tempo de seguro com a Porto e menor o histórico de sinistros, menos se paga o valor da renovação.

Indenização 

Valor recebido pelo segurado(a) em casos como colisão, roubo ou furto. Existem alguns tipos de indenização: integral, integral para terceiros e a parcial. A indenização pode ser integral, por exemplo, quando um carro é roubado e não é recuperado, ou quando o prejuízo atinge ou ultrapassa 75% do valor do carro determinado na apólice ou em tabela de referência de mercado, de acordo com a modalidade contratada.  

Endosso

É qualquer alteração nos dados do segurado ou veículo durante a vigência da apólice. É um documento emitido pela seguradora em que as duas partes concordam com as alterações realizadas. Essas mudanças podem ser, por exemplo, o endereço, locais por onde o veículo mais circula, inclusão ou exclusão de coberturas e troca de modelo.

Despesas extraordinárias

Essa é uma cobertura extra que pode ser colocada na proposta de seguro e garante um pagamento adicional ao valor do veículo determinado na apólice, caso ocorra um sinistro com perda total. O valor é calculado, conforme o limite máximo da apólice, e serve para cobrir despesas diversas, sem necessidade de comprovação.

E aí? Ficou com alguma dúvida? Deixe uma mensagem pra gente nas nossas redes sociais (@portoseguro) ou entre em contato com um de nossos Corretores.