Quanto custa ter um carro? Veja como calcular o custo de manutenção

Quanto custa ter um carro?

Comprar um carro é o sonho de muitas pessoas, e há quem trabalhe duro para conseguir juntar a quantia necessária para realizar esse desejo. Mas, mesmo quem compra à vista e consegue bons descontos, tem que se planejar com os gastos que o carro traz consigo. São impostos, licenças, além do combustível e da manutenção preventiva — que é indispensável para rodar tranquilo com seu veículo pelas ruas e estradas do país.

Para te ajudar a entender melhor os custos de ter um automóvel, vamos te mostrar como calcular o custo médio de manutenção mecânica de um carro. Veja só:

Como calcular?

Não há segredos para conseguir calcular o custo médio de manutenção. Para isso, basta estar ciente de que vários componentes precisam ser trocados e de que a quilometragem rodada indicada para cada troca está presente no manual do veículo. Veja abaixo alguns desses itens.

Óleo

O lubrificante do seu carro não dura para sempre. É preciso trocá-lo após rodar a quilometragem recomendada pelo fabricante. As distâncias variam de acordo com o óleo utilizado, mas, de qualquer maneira, é preciso se programar para trocar o óleo de tempos em tempos.

Ter em mente a média de quantos quilômetros você roda por mês ajuda a calcular qual será a data da próxima troca. Quem dirige regularmente deve se preparar para fazer a manutenção do lubrificante pelo menos duas vezes ao ano.

Filtros

É preciso ficar de olho também nos filtros, tanto de óleo quanto de ar e combustível. O filtro de lubrificante deve ser checado a cada troca, sendo que veículos que rodam muito devem substituir a peça pelo menos uma vez ao ano ou com mais frequência, se necessário. Os filtros de ar e combustível devem ser checados nas revisões periódicas e trocados quando estiverem muito sujo.

Combustível

Por mais que a gasolina e o álcool não sejam considerados itens de manutenção, utilizar combustível de boa procedência é uma maneira de evitar gastos ainda maiores com reparos.

Para saber quanto você gasta com combustível por mês, é preciso zerar a contagem de quilômetros do carro ao encher o tanque. Dessa maneira, é possível realizar um cálculo da razão entre quilômetros rodados por litro. Lembre-se de que o consumo de carros 1.0 é menor que de modelos com motores mais potentes e de que o consumo na estrada é diferente do consumo nas ruas.

Amortecedores

Os amortecedores devem ser revisados a cada 40 mil quilômetros. Não há momento certo para a troca, mas é preciso ficar de olho nos sinais, como trepidações ou barulhos ao passar em terrenos irregulares.

Alinhamento e balanceamento

Pneus e rodas também não apresentam quilometragem certa para a troca, mas a revisão deve ser feita antes de longas viagens ou uso constante do veículo, ainda mais em locais em que o pavimento não é tão regular.

Levantando os custos

Tendo em mente quais são os itens que devem ser checados com mais frequência, é preciso cotar esses serviços em algumas oficinas para saber com antecedência qual local oferece o melhor

Fechando a conta

Para, finalmente, calcular a média, é interessante buscar ajudar da tecnologia. Usar uma planilha de gastos ou alguns aplicativos específicos para gastos automotivos ajudam a não errar na hora da matemática e das proporções, como combustível e quilômetros rodados.

Quer fazer um orçamento? Segurados têm 20% de desconto na mão de obra e gratuidade em alguns serviços
Leve ao Centro Automotivo Porto Seguro »